Antes e depois

O divisor de águas chamado “salvação”

Quando Deus salva você, sua vida se torna um exemplo de “antes e depois”. Antes da salvação, você podia facilmente manter Deus à distância; descartá-lo, elegantemente, quando achasse necessário, guardá-lo com cuidado em sua prateleira ou até mesmo colocar fones em seus ouvidos para não ouvir a sua voz.

Não tenho dúvidas, Deus era importante, mas igualmente importante era o seu status, seu carro, sua casa de praia, seu alto salário e seu cargo executivo na empresa. Com certeza, ele ocupava um dos primeiros lugares na sua extensa lista de prioridades, mas infelizmente dividia essa disputada posição com outras coisas.

Então vieram a tempestade, as lutas, as perdas, o furor, a noite fria e sem estrelas. Então o desespero caiu como uma sorrateira névoa; você não vê mais uma luz no fim do túnel. Seus olhos só conseguem enxergar a escuridão do profundo abismo.Você sabia que não havia mais nenhuma saída.

Seu importante status não é capaz de jogar uma corda para lhe fazer sair do abismo. Sua carreira não tem a mínima capacidade de acalmar a fúria das ondas. Seu alto e desejado salário não representa valor algum para resgatá-lo. Aquelas coisas que outrora você considerava essenciais e indispensáveis, não podem fazer nada quando você mais precisa.

Em sua mente e em seu coração você se lembra de que ainda há esperança para as suas dolorosas e intermináveis noites de choro. Existe apenas uma opção: Deus! Quando você clama de todo o seu coração, ele vem ao seu encontro. Quando você estava perdido, ninguém além dele poderia ter lhe encontrado e regatado da morte. Somente Ele pode lhe resgatar das inúmeras tempestades da vida.

Inegavelmente, depois desses momentos, ele já não é simplesmente uma divindade a adorar, um sábio professor a ouvir ou um reconhecido mestre a obedecer. Ele é o seu Salvador, o único verdadeiramente digno de ser adorado. Proclame essa tão grande salvação por todos os dias da sua vida!

Ms. Diego da Silva Barros é diretor da União da Mocidade Adventista da Promessa e coordenador de Missões e Evangelismo na IAP em Piedade (Rio de Janeiro, RJ).

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: