Caiu a conexão?

Nada de pânico, o caminho para reconectar está aberto

Plugados em tudo,
comprometidos com nada.
Papo sem fim na sala de bate-papo,
fim de papo na sala de casa.
Histórias de ficção imperdíveis,
histórias de verdade desprezadas.
Corpos siliconizados,
cérebros congelados.
Um milhão de amigos na vida do orkut,
um milhão de problemas numa vida de solidão.
Gargalhadas infindáveis com estranhos,
silêncio sepulcral com gente do mesmo sangue.
Academia para malhar,
divã para desabafar.
Dezembro para extravasar,
janeiro para lamentar.
Capricho na estética,
relaxo na ética.
Línguas estranhas abençoando,
as mesmas línguas, estranhamente, amaldiçoando.
Conexão com o mundo de todo mundo,
comunicação travada com o próprio coração.
Caiu a conexão?
Nada de pânico,
o caminho para reconectar a alma está aberto,
ainda resta a oração.

%d blogueiros gostam disto: