Ele pode mudar sua história

Mesmo em dias de falta de esperança, Jesus sempre nos surpreende!

“A caminho de Jerusalém, Jesus passou pela divisa entre Samaria e Galiléia. Ao entrar num povoado, dez leprosos dirigiram-se a ele. Ficaram a certa distância e gritaram em alta voz: “Jesus, Mestre, tem piedade de nós!” Ao vê-los, ele disse: “Vão mostrar-se aos sacerdotes”. Enquanto eles iam, foram purificados. Um deles, quando viu que estava curado, voltou, louvando a Deus em alta voz. Prostrou-se aos pés de Jesus e lhe agradeceu. Este era samaritano. Jesus perguntou: “Não foram purificados todos os dez? Onde estão os outros nove? Não se achou nenhum que voltasse e desse louvor a Deus, a não ser este estrangeiro?” Então ele lhe disse: “Levante-se e vá; a sua fé o salvou”. (Lucas 17:11-19).

Jesus sempre nos surpreende. Entre a Samaria e a Galileia, o Mestre entrou num leprosário, conforme nos descreve o texto de Lucas.  Passar por esse lugar era um desejo para poucos. Este lugar cheirava mal, lembrava sofrimento, dor e morte. Era na verdade, um grande lixão humano. Ali estavam homens que eram excluídos da sociedade e viviam à margem da comunidade e longe de seus familiares, pois possuíam uma doença incurável: a lepra.

Mas Cristo vem sempre ao encontro daqueles que, para a sociedade, não têm  nenhuma possibilidade futura, seja moralmente, fisicamente e até espiritualmente. O seu amor é incomparável. O Mestre continua vindo ao encontro dos leprosos de hoje, aqueles que sofrem, que estão excluídos, marginalizados, solitários e angustiados. O Senhor Jesus, como o autor da vida, não dispensa um encontro com os que estão necessitando da cura, seja da alma, do físico e do espírito. “Mestre, tem piedade de nós!” disseram os leprosos.  Eles sabiam que a enfermidade os levava à distância de qualquer um, mas eles não se importaram com a distância, eles pediram misericórdia. E você, tem buscado ao Senhor Jesus? Chame por ele, pois ele sempre nos atende e em nenhum momento nos abandona.

Jesus respondeu com uma ordem: “Vão mostrar-se aos sacerdotes”. Ele sabia que, para que esses leprosos fossem reintegrados à sociedade, os sacerdotes deveriam avaliar a pele deles. Como esses homens enfermos se apresentariam ao sacerdote se eles não estavam curados ainda? É isso aí meu amigo, devemos obedecer ao Mestre mesmo que o milagre ainda não tenha acontecido, e o que você pediu a ele não tenha chegado. Obedeça a Jesus Cristo, pois você não sabe em que momento ou hora o milagre acontecerá.

No meio do caminho, um dos leprosos percebeu que a sua pele estava limpa, foi  tomado pela alegria e começou a louvar a Deus. Ele voltou e se prostrou aos pés de Jesus, pois reconheceu que o Mestre havia feito este grande milagre. É importante reconhecermos que é o Senhor Jesus que age em nosso favor. Ele tem toda autoridade no céu e na terra. Tudo pode ser feito por ele e para ele, não há nada impossível.

Depois de reconhecer quem lhe havia curado, o “ex-leproso” agradece a Cristo. Ser grato é uma característica de poucos. Quantas coisas Deus têm feito na nossa vida! Na maioria das vezes, reconhecemos só as grandes coisas, mas agradeça a Deus pelas pequeninas coisas que ele tem efetuado. Jesus sabia que eram dez os leprosos que receberam a cura, mas só um reconheceu e voltou para agradecer. Sempre que nós reconhecermos a soberania de Deus sobre a nossa vida, ele nos dá a possibilidade de recebemos mais um pouco. Jesus diz: “Levante-se, a tua fé te salvou”. Que maravilha! Jesus sempre tem o melhor para a nossa vida.

Pastor Fernando dos Santos Duarte é integra a diretoria da Convenção Noroeste Paulista e é responsável pela Igreja Adventista da Promessa em Votuporanga (SP)..

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: