Enfrentando a amargura

O remédio pode ser difícil de ser ingerido, mas é necessário para que cresçamos saudáveis

Algumas situações que vivi na infância marcaram a minha vida. Brincadeiras como bola de gude, esconde-esconde, futebol no campinho de terra e outras me fazem lembrar de grandes momentos de minha infância. Mas existiram momentos em que me lembro bem, que não eram tão bons assim. Era hora de tomar um remédio caseiro que minha mãe fazia para a bronquite, pois eu sofria bastante com isso. Não lembro a planta que ela utilizava, só sei que misturava com mel. Mesmo assim, o remédio era amargo. Então eu dizia para minha mãe: “Mãe esse remédio é muito amargo!” Ela respondia: “Fernando é amargo sim, mas esse que é o bom!”.
Isso me intrigava quando garoto, e sempre me perguntava: será que é sempre assim mesmo? O tempo passou e percebi que minha mãe não estava tão errada assim. Existem algumas fases da vida que são difíceis de serem enfrentadas. Passamos às vezes por amarguras na família, no emprego, no casamento, com os filhos e até momentos ruins com amigos. E nesse momento nos perguntamos por que estamos passando por esse momento amargo da vida. No livro do Êxodo, no capítulo 15:22-27, a Bíblia descreve que o povo de Deus, ao sair do Egito, da casa da servidão, começa a sua peregrinação até a terra prometida. Eles chegam a um lugar chamado “Mara”, isto é, amargo.
O interessante é que o próprio Deus é que esta no comando da vida de seu povo, ele o guia. Mas por que Deus levaria o seu povo a enfrentar as águas amargas? Deus estava levando o povo ao amadurecimento, e por isso, eles necessitavam enfrentar este momento. É assim conosco, os momentos de amargura devem servir para o crescimento de nossa fé. Portanto toda vez que enfrentar situações amargas na vida não murmure, busque a estratégia de Deus, pois ele sempre te responderá.
Deus orienta Moisés a lançar na água um pedaço de madeira, e ao fazer isso, as águas daquele lugar se tornaram boas para beber. É assim que Deus faz nos momentos de grande amargura: ele transforma em momentos doces da vida, mas é necessário que busquemos a ele e estejamos dispostos a obedecer a sua vontade. Sendo assim, se você chegar a enfrentar alguma amargura na vida, busque a Deus que ele o orientará e o fará provar dos milagres em meio à amargura.

Pr. Fernando dos Santos Duarte é responsável pela IAP em Votuporanga (SP) e diretor financeiro da Convenção Noroeste Paulista.

%d blogueiros gostam disto: