Iluminando e dando sabor

Podemos contribuir para uma sociedade menos apodrecida e mais iluminada

Vocês são o sal para a humanidade; mas, se o sal perde o gosto, deixa de ser sal e não serve para mais nada. É jogado fora e pisado pelas pessoas que passam. Vocês são a luz para o mundo. Não se pode esconder uma cidade construída sobre um monte”.(Mt 5.13-14)

 

A sociedade na qual vivemos enfrenta um momento muito delicado com relação aos valores morais, princípios éticos, familiares e relacionais. Sendo assim, Jesus Cristo utiliza-se de duas figuras relevantes também para os dias atuais, com o intuito de mostrar-nos o quanto podemos influenciar esta sociedade de uma forma saudável e para que não permitamos o seu apodrecimento a cada dia mais.

Sal e luz são produtos extremamente básicos para a vida humana, os quais Jesus se utiliza para ilustrar como deve ser a influência de uma pessoa que serve a Ele e o tem como Senhor da sua vida. O deteriorar de nossa sociedade é notório a todos. Os valores antes enaltecidos hoje não passam de caretice. Jesus sabia da relevância de um viver influenciador pelos cristãos. O sal, desde a antiguidade, tem um valor muito importante, sendo que até mesmo foi uma das moedas mais valiosas em tempos passados. Mas o propósito de Jesus é nos mostrar a capacidade de preservação que o sal tinha. Porém quando misturado ou submetido a outras condições de utilização, o sal perdia o “seu sabor”, isto é, a sua funcionalidade ficava comprometida. Sendo assim quando o sal perde a sua capacidade de preservação e de sabor, ele não pode ser utilizado, pois não serve para mais nada.

Jesus utiliza também a luz como outra figura importante para um mundo que vive na escuridão. Sabemos que ser luz é ser visto ou percebido, mas também servir de guia ou exemplo. Quando Jesus diz que somos a luz do mundo, Ele leva-nos a compreender que, onde estivermos, devemos clarear, guiar, tornar visível as coisas e sermos exemplo. Duas figuras com valores importantes para nós, sal e luz. A nossa sociedade precisa de um sabor diferente, não mais a vingança, a ganância, a crueldade, a desigualdade etc. Tudo isso já tem dado um sabor amargo em nossa sociedade. Mas se temos Jesus Cristo como o Senhor da nossa vida procuremos viver os princípios estabelecidos pela sua palavra, que certamente teremos a alegria de contribuir para uma sociedade mais saborosa, menos apodrecida e mais iluminada pela presença daquele que é luz do mundo: Jesus Cristo.

 

Pr. Fernando dos Santos Duarte é responsável pela IAP em Votuporanga (SP) e diretor financeiro da Convenção Noroeste Paulista.

 

%d blogueiros gostam disto: