Recomeçar

Pedro fez o que disse que não faria jamais, negou a Jesus! E fez isso por três vezes! (Jo 18: 15-27). Seguiram-se, então, os três piores dias de sua vida. Ele retrocedeu, abandonou seu chamado, voltou às antigas atividades, voltou a pescar, abandonou o caminho que Cristo tinha para ele. Mas, Cristo ressurreto se aproximou para lhe dar uma nova oportunidade! Quando Pedro o percebeu, se lançou na água desesperadamente, mal podia acreditar! Ao chegar à praia, uma fogueira, um cenário parecido ao de três dias antes, contudo, essa era a oportunidade do recomeço.

Jesus não o critica, nem tampouco o censura, simplesmente o questiona: “Você me ama?”. “Sim, o Senhor sabe que eu te amo”, responde Pedro. Também por três vezes essa pergunta invade e confronta o coração do discípulo, tais palavras mexem com ele, é proposital a intenção do mestre. Cristo está o desafiando a recomeçar! Era extremamente difícil tomar tal decisão. Não obstante as tragédias da vida, as decepções, os medos, o sentimento de culpa, a sensação do fracasso, era hora de recomeçar. Ele então, sem condições de fitar o mestre, diz: “O senhor sabe de tudo e sabe que eu te amo”. Ah, que bela declaração do apóstolo! É como se ele dissesse: “Senhor, eu quero recomeçar! Me dê mais uma chance!”

Talvez, como para Pedro, você esteja numa situação que parece a reta final, o fim do destino! Talvez você esteja igualmente desesperado neste mundo, sem a mínima perspectiva de mudança ou solução para sua vida e seus problemas. Talvez um pecado esteja dominando você. Quem sabe, sua única expectativa seja de derrota. Não importa, mesmo que você já tentou outras vezes e ainda fracassou, acredite, há esperança de um novo começo para você hoje!

Cristo te desafia a repensar sua vida. Seu casamento não precisa acabar, seus sonhos não precisam morrer, seu ministério pode prosseguir, sua história pode ganhar uma nova página, depende de você.

Quantos homens e mulheres aproveitaram essa nova chance e refizeram suas vidas aos pés de Cristo. O filho pródigo recomeçou. Depois de viver tão longe do Pai, sua vida ganhou sentido. Jó teve que fazer o mesmo, foi forte o suficiente para vencer cada tragédia apresentada pela vida e Deus lhe deu uma nova história. Mateus, o evangelista, quando ouviu seu chamado, abandonou tudo para começar de novo seguindo a Cristo. Pedro foi incentivado pelo amor de Cristo: “se você me ama, vamos lá, não desista! Venha comigo!”

Tenha coragem e recomece! Faça isso agora, diga também: “Eu te amo, Senhor, eu quero uma nova chance!”.

%d blogueiros gostam disto: