Dicas da lição 01 – “A preciosidade da lei”

Recurso pré-aula: Para facilitar a familiarização com o estudo, utilize o podcast da lição 01, acessando o link: https://portaliap.org/wp-content/uploads/2019/09/01-A-Preciosidade-da-Lei.mp3

Abertura: Antes de iniciar a sua aula, lembre-se que o estudo da Bíblia é uma atividade não apenas intelectual, mas, sobretudo, espiritual. Portanto, convoque a classe a orar em favor do estudo.

Slides da lição: Baixe o slide da lição 01, acessando o link: https://portaliap.org/licoes-biblicas/licao-biblica-329/#divulgacao e utilize-o no desenvolvimento da sua aula.

Estudo em Libras: A Junta de Missões sempre disponibiliza a lição bíblica em libras. Informe seus alunos sobre este importante trabalho. Veja: https://www.youtube.com/channel/UCSajxLcXf10Zmvnz3wv7qag

Vídeo: Exiba o vídeo de apresentação desta série de lições disponível em: https://www.youtube.com/watch?time_continue=3&v=i5kudMezYkg

Dinâmica 1: Mude a forma de fazer a primeira, a segunda e a quarta pergunta. Como? Observe se existe algum aluno (ou aluna) na sua classe que, embora não tenha o hábito de ser participativo durante a exposição das lições, é alguém desinibido e ativo em outras áreas da igreja. Chame-o à frente, lhe dê uma caneta tinteira e peça que ele (o aluno ou aluna) lhe ajude na aula. Faça um traço vertical no meio da lousa ou do papel, se estiver usando um flipchart, e instigue seus alunos a dizerem as diferenças entre a lei moral e o conjunto das demais leis em Israel. Na medida em que acontecem as manifestações, peça para que seu “ajudante” as escreva resumidamente – você irá dar a orientação do que escrever. Por exemplo: Ao invés de escrever “Os dez mandamentos foram escritos em tábuas de pedra”, peça para escrever simplesmente “Escrito na pedra” e “Escrito num livro” entre o traço que você fez.

 

Importante: Nesse momento, não adentre ao assunto da quarta pergunta na parte “O decálogo é reafirmado no Novo Testamento?” Ele será abordado na dinâmica 3.

Critério: Estabeleça, de forma descontraída, a regra de que um aluno só poderá dizer a diferença entre as leis uma única vez.

Objetivo da dinâmica: Estimular a participação de quem não tem o hábito de interagir na aula – no caso da escolha do ajudante – e estimular a memorização pelo processo cognitivo e visual – no caso da interação com os seus alunos.

Objetivo do critério: Inibir que um aluno “monopolize” a sua aula inibindo a participação dos demais alunos.

 

Dinâmica 2: Apague a lousa ou vire a folha do flipchart. Quando sua aula atingir o ponto “PARA PRATICAR”, assim como na dinâmica 1, chame um outro aluno para ser o seu “ajudante”. Enumere de 1 (um) a 10 (dez) verticalmente no lado esquerdo. Estimule seus alunos a dizerem, na ordem como está na Bíblia, os dez mandamentos. Na medida em que acontecerem as manifestações, ajude seu “ajudante” a escrever cada mandamento resumidamente. Por exemplo: Ao invés de escrever “Lembra-te do dia de sábado para o santificar, etc”, peça para escrever “Lembra-te do sábado” apenas.

 

Importante: Deve ser reservado um espaço entre cada mandamento para a dinâmica 3.

Critério: Peça para que o aluno levante a mão sinalizando que irá falar o mandamento da sequência e, em seguida, deixe-o falar, sempre pedindo a confirmação de todos os alunos se a ordem e o mandamento estão ou não corretos antes de escrever no quadro. Mas, assim como na dinâmica 1, cada aluno deverá dizer apenas uma única vez, salvo se a classe for muito pequena.

Objetivo da dinâmica: Salientar que o que está escrito na introdução da lição – “Nenhum cristão sincero nega a importância deles, porém muitos desconhecem o seu conteúdo” – deve ser reforçado. Além disso, essa dinâmica prepara os alunos para as próximas lições, uma vez que a mesma pretende organizar a ordem dos mandamentos para facilitar a assimilação das próximas aulas.

Objetivo do critério: Permitir o maior controle sobre as manifestações.

 

Dinâmica 3: Chame um outro aluno para ser o seu “ajudante”. Instigue seus alunos a dizer uma citação bíblica do Novo Testamento que confirme a vigência de cada mandamento e peça para seu “ajudante” escrevê-las no espaço deixado entre cada um dos dez mandamentos. Ajude seu “ajudante” indicando as três letras que faz referência ao livro da citação. Por exemplo: Ao invés de escrever “Apocalipse 9:20”, peça para escrever “Ap. 9:20”.

 

Critério: Sem critério, podendo haver consulta (mas não diga que as citações estão na própria lição).

Objetivo da dica: Fortalecer o ensino de que o decálogo é reafirmado no Novo Testamento.

Objetivo subliminar: Identificar se os seus alunos estão estudando a lição durante a semana. Quem estudou a lição durante a semana, rapidamente abrirá na página onde o penúltimo parágrafo do item 3 lista todas as citações que você pedirá na dica 3. Aproveite para orientar seus alunos a realçar, riscar, sublinhar ou copiar partes importantes da lição durante o estudo em casa.

 

Observação importante: Para realizar as sugestões de dicas deste estudo, é necessário dividir bem o tempo. Como isso nem sempre é possível no decorrer da aula, o ideal é que o (a) professor (a) encontre maneiras de aproveitar melhor tais sugestões. Por exemplo: se não for possível exibir, no momento da aula, o vídeo proposto, este pode ser enviado aos alunos através de uma rede social durante a semana. Use a sua criatividade!

Colaborador: Valmir de Oliveira serve a Deus na IAP em Vila Medeiros, São Paulo – SP.

Editor: Jailton Sousa Silva
 

 

Últimas notícias

Downloads

Instale o APP

vin_aplictaivo_250px
Estude as Lições Bíblicas a partir do seu celular. Instale o aplicativo, conheça e divulgue para os seus amigos.

google-play  app-store

logo